Seminário Diálogos pela Paz e Justiça ocorre no próximo dia 27, com a participação de vencedores do Prêmio Nobel


O Superior Tribunal de Justiça (STJ) e a Embaixada da Paz vão realizar, na próxima quinta-feira (27), às 8h30, o seminário Diálogos pela Paz e Justiça. O evento reunirá uma série de autoridades e especialistas, nacionais e internacionais, para debater questões relacionadas à promoção da paz e à concretização da Justiça.

O ex-presidente do Timor-Leste José Manuel Ramos-Horta e o indiano Kailash Satyarthi – vencedores do Prêmio Nobel da Paz em 1996 e 2014, respectivamente – estão entre os convidados do evento.

Organizado em formato virtual, o seminário será transmitido ao vivo pelo canal do STJ no YouTube. O evento também irá marcar a celebração da parceria entre o STJ e a Embaixada da Paz.

Além do presidente do STJ, ministro Humberto Martins, a abertura do seminário contará com a participação do presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Luiz Fux, e da embaixadora da Paz, Maria Paula Fidalgo.

Será concedido certificado aos participantes do evento. Para efetuar a inscrição, basta acessar este link e registrar presença no dia do evento.

Esforços pela paz

Chanceler, primeiro-ministro e presidente do Timor-Leste nos anos de 2001 a 2012, José Ramos-Horta foi um dos principais líderes da resistência timorense durante a ocupação pela Indonésia, entre 1975 e 1999. Os seus esforços em organismos internacionais como as Nações Unidas e a mobilização da opinião pública internacional contribuíram decisivamente para a resolução do conflito. Por essas razões, Ramos-Horta foi laureado com o Prêmio Nobel da Paz, ao lado do bispo católico Carlos Filipe Ximenes Belo.

Kailash Satyarthi atua no movimento indiano contra o trabalho infantil desde a década de 1990. Sua organização, a Bachpan Bachao Andolan, atuou para retirar milhares de crianças e adolescentes de diversas formas de condições análogas à escravidão, dando-lhes oportunidades de aces so ao ensino e a condições dignas de vida. Ele dividiu o Prêmio Nobel da Paz de 2014 com Malala Yousafzai.

Posted in Notícias - Caposoli Advocacia.