STJ dá posse a mais 25 servidores aprovados no concurso de 2018


​"Eu preciso de vocês, o Brasil precisa de vocês e o jurisdicionado precisa de vocês. Precisamos de vocês para solucionar os conflitos com brevidade e restaurar a paz", declarou nesta quinta-feira (10) o presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e do Conselho da Justiça Federal (CJF), ministro Humberto Martins, ao empossar 25 novos servidores aprovados no concurso público realizado em 2018.

Em 2 de dezembro, o presidente do STJ deu posse a 19 novos analistas e técnicos judiciários do mesmo certame. Posteriormente, outro servidor nomeado foi efetivado no cargo. Até o momento, 45 foram chamados em dezembro. A convocação de pessoal foi uma das demandas recebidas por Humberto Martins na primeira edição do projeto Fale com o Presidente — De mãos dadas: magistratura e cidadania, realizada em 28 de outubro. A próxima edição será no dia 14.

Em seu discurso de boas-vindas, o ministro motivou os novos servidores a continuarem evoluindo profissionalmente e a se dedicarem com patriotismo ao engrandecimento da cidadania brasileira. "Velho é quem para de estudar, mesmo sendo jovem. Na minha gestão, dou as mãos a quem estuda, a quem se esforça e a quem ama o Brasil", afirmou.

O ministro também destacou que todos os servidores do Tribunal da Cidadania são igualmente importantes. "O ministro é um servidor público como qualquer outro da corte. Todos estamos à disposição da cidadã e do cidadão, dando o melhor de nós", ressaltou. Além do profissionalismo – acrescentou –, o STJ prima pelo calor humano de uma "grande família".

De cara no​​​va

Também participaram da cerimônia de posse dos novos servidores o diretor-geral do tribunal, Marcos Cavalcante; o secretário-geral da Presidência, Jadson Santana; e a secretária de Gestão de Pessoas, Solange Rossi.

Segundo o diretor-geral do STJ, a chegada de novos quadros é fundamental, devido à renovação do corpo funcional da corte. "Esperamos que, ao começar este novo ciclo, vocês tragam a força da juventude", disse Cavalcante ao saudar os servidores.

A chefe da Seção de Movimentação de Pessoas, Andréia Carla de Souza, lembrou a importância da convocação para suprir as necessidades do tribunal diante das demandas judiciais geradas pela pandemia da Covid-19. "Embora a gente esteja em um cenário de pandemia, o STJ permanece realizando todas as suas atividades, e nós já tínhamos um déficit de servidores em várias áreas", observou.

Entu​siasmo

Aprovado para o cargo de analista da área judiciária, Ruzel Moreira Nizio retorna à corte depois da passagem como estagiário em dois períodos distintos: primeiro, na Coordenadoria de Memória e Cultura; depois, no gabinete da ministra aposentada Eliana Calmon.

"Ser empossado como analista judiciário é a realização de um sonho, pelo ambiente e pelas pessoas que fazem o tribunal", afirmou.

Quem também está entusiasmada com o início do exercício no cargo é a nova servidora Thays Hungria, que tomou posse como técnica judiciária na área administrativa. Ela se disse honrada com a chance de trabalhar no maior tribunal superior do país. "Gostei muito de ver a preocupação do ministro Humberto Martins: o STJ prestar um serviço judiciário que busca promover a igualdade", destacou.

Perf​​il

Entre os 45 novos servidores empossados em dezembro, 29 vão exercer o cargo de analista e outros 20 assumem como técnicos na área administrativa. Um técnico judiciário na área de desenvolvimento de sistemas também foi efetivado.

Dentro do quantitativo de vagas destinadas a pessoas negras, tomaram posse seis analistas da área judiciária e dois técnicos administrativos. Além disso, foram chamados dois analistas e um técnico aprovados por meio do sistema de cotas para pessoas com deficiência.

O concurso de 2018 está com prazo de validade suspenso até o término da vigência do estado de calamidade pública declarado pela União em razão da pandemia da Covid-19. A suspensão consta do Edital 16/2020.

Na página do concurso, é possível encontrar todos os editais referentes à seleção, bem como o quadro de convocados para cada área.

Posted in Notícias - Caposoli Advocacia.